segunda-feira, 20 de abril de 2009

DEZ ‘MANDAMENTOS’ PARA PASSAR NO ’CONCURSO DOS SONHOS’ EM 2009


1. Busque motivação no estudo Lembre-se dos motivos que o levam a estudar para o concurso. Faça um cronograma de estudos e avalie constantemente como está seu desempenho conforme você faz exercícios e questões de provas anteriores.
2. Não abandone o lazer Planeje o tempo de estudo e de descanso. Com organização, disciplina e força de vontade é possível conciliar estudo eficiente com lazer. Estudar com qualidade de vida é muito mais produtivo que estudar 14 horas por dia.
3. Esqueça a concorrência Não pense na relação candidato- vaga
durante os estudos. A maior parte dos candidatos não está preparada e vai fazer a prova contando somente com a sorte. O objetivo é tentar fazer o máximo de pontos, mas ficar satisfeito se acertar o mínimo para passar.
4. Prepare-se com antecedência Normalmente, o edital é publicado de 45 a 90 dias antes da data de realização das provas. Por isso, o ideal é iniciar os estudos antes da publicação do edital, dedicando-se às disciplinas básicas comuns à maior parte dos concursos.
5. Estude conforme o edital Estude somente as disciplinas e os programas
do concurso previstos no edital. Prepare-se conforme o peso de cada disciplina dedicando mais tempo às que têm peso maior e menos tempo às que têm peso menor.
6. Faça provas anteriores e simulados Com isso, o candidato passa a conhecer os diversos estilos de prova. O estudante aprende o que o examinador acha importante e treina a velocidade de resolução. Depois de algum treino, resolva questões por um tempo um pouco maior do que o que será permitido no dia da prova para aumentar a resistência. Depois, resolva questões em um tempo menor para aumentar a pressão. Quando a data do concurso estiver próxima, passe a realizar provas em condições absolutamente iguais às que você irá enfrentar.
7. Prepare-se para todas as fases do concurso Um concurso pode ter várias fases dependendo do que o selecionador julgar necessário avaliar no candidato. Normalmente, cada fase é caracterizada por um tipo de prova. Alguns concursos têm somente provas objetivas. Outros também têm provas discursivas, exames físicos e provas orais. 8. Preste outros concursos Preste todos os concursos que achar interessante. Além de ser um ótimo treino, pois a maior parte das disciplinas costuma cair em vários exames, a prática aumenta a chance de ser aprovado, nomeado e continuar estudando (já empregado no serviço público) para a carreira mais desejada.
9. Às vésperas da prova, faça revisão Na semana que antecede a prova, aproveite para rever as disciplinas fazendo principalmente resumos. Resolva a prova do concurso anterior. Dê atenção a todas as disciplinas levando em conta o peso - matéria com maior peso no concurso requer maior dedicação.
10. Na prova, comece pelas questões mais simples Faça antes as questões mais fáceis. A seguir, resolva as mais trabalhosas e, na sequência, as mais difíceis. Leia cada enunciado com bastante atenção para não precisar ler
de novo e não cair em alguma "pegadinha" por falta de atenção.
Fontes: Carlos Alberto de Lucca, coordenador geral do curso preparatório Siga Concursos, e William Douglas, professor, juiz e autor de 28 livros sobre técnicas e dicas de preparação para concursos

Técnicas de elaboração de artigo científico

Postagens populares