domingo, 25 de março de 2012

CARTA À FUNCAB (Empresa responsável pela organização do concurso público de Armação dos Búzios)

Senhores, boa tarde,

Percebi, dentro dos meus parcos conhecimentos na área da educação e tendo participado de muitos concursos públicos para o Magistério (docência e Orientação Educacional), alguns detalhes no Edital que me são desconhecidos. Os caracterizei como equívocos; mas, posso, eu, estar equivocado. De qualquer forma, ficam aqui as minhas observações, no sentido de contribuição. Se eu estiver errado, peço-lhes perdão por isso!

Alguns equívocos no Edital do Concurso de Búzios/2012:

1) Existem três (3) cargos para Pedagogo, respeitando-se as especializações (SE, OE¹, IE) e mais uma de Pedagogo propriamente dita. Onde atuará esse profissional? Quais as suas funções? Não está claro!

2) Nas provas para docentes (Ensinos Médio e Superior) observa-se que as mesmas não trazem nas suas contituições os CONHECIMENTOS PEDAGÓGICOS. Estão inclusos em conhecimentos específicos? Não procede! Em atualidades? Não tem lógica! Não precisa mais o professor dessa formação acadêmica?

¹. Não existe na Legislação Educacional brasileira o cargo específico de ORIENTADOR ESCOLAR. Existe sim, o de ORIENTADOR EDUCACIONAL e foi uma das primeiras a conquistar a sua Regulamentação Profissioanl no Brasil.

Técnicas de elaboração de artigo científico

Postagens populares